34 Melhores lugares para visitar na Europa no verão

34 Melhores lugares para visitar na Europa no verão

Compartilhar é se importar!

Se você está no mercado para alguns destinos de verão espetaculares, a Europa tem uma coleção impressionante de possibilidades.

Entrei em contato com alguns de meus colegas blogueiros de viagens e eles revelaram algumas de suas viagens de verão favoritas para a Europa. Desde a costa ensolarada da Espanha até as lindas ruas de Salzburgo, há algumas belezas reais para aproveitar em toda a Europa.

Se você está querendo saber para onde ir neste verão, seja para uma escapada romântica ou para umas férias em família, dê uma olhada nos melhores lugares para visitar na Europa no verão!

Melhores cidades europeias para visitar em junho

Enquanto o verão é um dos momentos mais populares para visitar alguns dos As melhores cidades da Europacada cidade é diferente. Desde o tamanho da multidão até saber quando os festivais vão encher as ruas de cor, reuni as melhores escolhas para as melhores cidades europeias em junho!

Cidade medieval de Sibiu, Roménia

Luliana Marchian de Viagens autênticas

Se você procura um lugar exclusivo para visitar nas suas férias de verão, a Europa oferece cobertura para você. Sibiu é uma das cidades mais visitadas da Transilvânia – e em toda a Romênia.

Fundada por colonos saxões há quase 800 anos, a cidade medieval está localizada na encruzilhada de rotas comerciais e freqüentadas até hoje. Depois de 2007, quando Sibiu foi um Capital Cultural Europeia, mais e mais viajantes começaram a visitar Sibiu e seus arredores.

É muito fácil chegar a Sibiu devido à sua posição internacional em todos os mapas e centros de transporte. O aeroporto internacional de Sibiu tem conexões com muitas cidades europeias conhecidas (Londres, Milão, Dortmund e Viena). Trens regulares e ônibus também conectam Sibiu à capital de Bucareste e outras cidades importantes da Romênia.

Sibiu é melhor para visitar a partir da primavera (abril-maio) até o final do outono (outubro-novembro), mas se você ficar feliz em visitar quando estiver mais movimentado, junho é um momento perfeito para ir. Além disso, no verão, todos os restaurantes e cafés criam terraços de calçada nas mais belas praças e ruas da cidade. Você pode desfrutar de um café enquanto admira a bela arquitetura gótica e barroca da cidade antiga.

Quando você visita Sibiu, é melhor ficar na cidade velha para que você possa facilmente caminhar até todas as atrações principais. Tenha em mente que os concertos e festivais geralmente acontecem na Grande Praça da Cidade Alta, por isso pode ser barulhento às vezes. A cidade baixa é uma boa alternativa, e lá você pode encontrar acomodações autênticas em casas antigas reformadas.

Astúrias, Espanha

Talek Nantes de Viaja com Talek

As Astúrias são frequentemente referidas como “o paraíso natural da Espanha” e outro apelido adequado é “o segredo mais bem guardado da Espanha”. Ambos os apelidos são bem justificados porque as Astúrias são belas e pouco conhecidas.

Esta região no norte da Espanha, na costa do Golfo da Biscaia, tem tudo: história, praias, incrível culinária local, arte e música. A cidade capital de Oviedo é uma cidade cosmopolita com bons museus, parques espaçosos e frondosos e excelentes restaurantes. Nos arredores da cidade, você pode ver 1.200 anos de idade Patrimônio Mundial da UNESCO que antigamente eram lares da realeza austríaca.

Uma viagem de carro pelo litoral leva você a cavernas de 250 milhões de anos, pitorescas aldeias de pescadores e imponentes mansões que foram transformadas em museus. Mais ao sul e no interior do território das Astúrias, há vales verdejantes e aldeias com casas de pedra que permaneceram as mesmas por centenas de anos.

A cozinha das Astúrias está entre as melhores da Espanha. O prato principal é chamado fabada que é um ensopado de feijão branco com salsichas e verduras. Frutos do mar também é muito especial e muito fresco nesta parte do país. Os pratos especiais incluem polvo, espadarte assado e bacalhau cozido em molho de tomate com alcaparras e azeitonas. Não se esqueça do clássico ensopado de peixe!

Esta parte da Espanha é adornada com vegetação e vai hipnotizar você com seu charme, tornando-se um contendor definitivo para um dos melhores lugares para se visitar na Europa neste verão.

Ronda, Espanha

Bistra e Nace de A magia de viajar

Nossa sugestão para um destino de verão na Europa é um pouco incomum, mas temos certeza que você vai se apaixonar por Ronda assim que você pisar lá. Esta cidade mágica está situada no sul da Espanha, na região da Andaluzia. É mais fácil chegar de carro, mas você também pode usar os ônibus de transporte público.

Não é o destino típico da praia de verão, mas vai cuidar de todos os aficionados por natureza e história, bem como qualquer arquiteto e aficionado cultural. Ronda acabou por ser uma das melhores surpresas na nossa viagem de verão na Andaluzia.

A cidade está situada em uma área montanhosa a cerca de 750 m acima do nível do mar. O rio Guadalevín atravessa a cidade e divide-o em dois e esculpindo o íngreme cânion El Tajo, de 100 metros de profundidade, sobre o qual a cidade é construída. É realmente incrível e você deve ir até lá e aproveitar as majestosas pontes e as vistas hipnotizantes.

Outra surpresa é o calendário cultural vívido da cidade. Quando visitamos Ronda, o Ronda Guitar Festival estava acontecendo. Tivemos a sorte de estar lá por um dos dias em que foi e gostava de ouvir alguns dos melhores artistas de guitarra clássica e flamenco de todo o mundo!

Enquanto você estiver nesta incrível cidade, faça uma visita ao Museo Lara, que abriga uma incrível coleção de óculos de ópera antigos, telefones, gramofones, relógios e fãs espanhóis!

Roma, Itália

Valentina de Destinos de Valentina

Roma vem à vida no verão! É o destino perfeito para climas quentes, pois oferece inúmeras atrações, comidas deliciosas e vida noturna agitada. A melhor parte sobre as atrações de Roma é que você pode alcançar a maioria delas a pé.

Esta cidade histórica e mundialmente famosa é definitivamente um dos melhores lugares para se visitar na Europa em junho. Durante o verão em Roma, você pode caminhar pelo movimentado centro da cidade, jantar fora nos pátios, comer gelato autêntico e saborear vinhos locais.

As principais atrações de Roma incluem o Coliseu, a Cidade do Vaticano, a Escadaria Espanhola e a Fonte de Trevi. Existem também inúmeras igrejas, praças públicas, museus e mercados que você vai querer visitar!

A culinária romana é baseada em ingredientes simples. Sempre incluindo legumes frescos da fazenda, muitos carboidratos e carnes de qualidade. Você tem que experimentar o Cacio e Pepe – um prato amanteigado de espaguete com parmesão e pimenta moída fresca. Outros pratos locais populares incluem pizza de estilo romano, Carbonara e alcachofras crocantes.

Roma é um paraíso culinário, mas também é um paraíso para os amantes de vinho. O vinho faz parte da cultura italiana desde 2 aC! Existem mais de mil variedades de uvas cultivadas na área próxima. A melhor maneira de desfrutar do vinho romano é tomar Aperitivo. Aperitivo é um happy hour pré-jantar famoso na Itália. Desfrute do seu aperitivo em um dos populares bares na cobertura de Roma, como o Minerva Roof Garden.

Você também pode desfrutar de uma estadia no Hotel Raphael, na central Piazza Navona, para uma experiência luxuosa.

Londres, Inglaterra

Chad Root from Vida cheia de aventura

Se você vem do exterior, chegar a Londres é geralmente mais fácil do que destinos menos freqüentados. É um centro de viagens aéreas internacionais e os voos diretos são relativamente comuns e geralmente acessíveis. No verão, eu recomendaria a escolha de acomodações fora do centro da cidade, mas perto do metrô, já que será mais silencioso do que o centro da cidade.

Londres faz um ótimo destino de verão por uma série de razões, entre elas o clima. Os visitantes apreciarão o clima ameno do verão, já que a temperatura média fica em torno dos 20 graus – significativamente mais frios do que o sul da Europa. Dias de verão agradáveis ​​são perfeitos para desfrutar de um cruzeiro ao longo do Tamisa ou passear de marco a marco.

Outra coisa a destacar é que a cidade não é tão cara quanto parece. Há TONELADAS de coisas gratuitas para fazer na cidade e muitos museus oferecem entrada gratuita. Sério, você poderia passar uma semana inteira aproveitando as exposições nos museus gratuitos de Londres! Isso é uma grande economia de dinheiro para as famílias que querem mergulhar nas vastas coleções históricas de Londres, mas não querem quebrar o banco.

Londres é uma cidade grande com muitos segredos escondidos para descobrir. Minha descoberta favorita até agora foi o Borough Market. Não é exatamente um segredo, mas é algo que eu me deparei durante uma visita recente. Este mercado existe há cerca de mil anos e hoje vende o que alguns consideram ser a melhor comida de rua da cidade!

Se você ficar por uma semana ou mais, você deve considerar fazer uma viagem para Stonehenge ou Cambridge.

Filzmoos, Áustria

Darek e Gosia

Filzmoos é principalmente conhecido como um destino de inverno, mas isso não deve impedi-lo de visitar a vila no verão! Amor caminhadas e montanhas? Esta parte da Áustria é um paraíso para todos os amantes de caminhadas e aventura!

Você pode chegar a Filzmoos em apenas uma hora de carro do aeroporto de Salzburgo – este é o aeroporto mais próximo, por isso é altamente recomendável. Se você gostaria de combinar uma visita a Viena com uma viagem para Filzmoos, você precisará de quase 4 horas de carro para esta vila austríaca. O transporte público não é realmente recomendado, pois você terá que trocar de ônibus / trens algumas vezes.

A área em torno de Filzmoos oferece uma das paisagens mais impressionantes e vistas deslumbrantes em toda a Áustria. Na verdade, com quase 200 trilhas exclusivas, uma viagem de verão para Filzmoos será uma ótima maneira de ver algumas delas. Um divertido e aventureiro férias em Filzmoos é uma das últimas viagens de verão da Europa!

Filzmoos também é ótimo como base para muitos passeios incríveis – aproveite isso e certifique-se de visitar pelo menos algumas das atrações abaixo:

  • Escada para o nada
  • Dachstein Skywalk
  • Gosausee
  • Hallstatt

Todos os itens acima fazem do Filzmoos um dos Melhores lugares para visitar na Áustria – acredite em nós, você vai amá-los!

Nós ficamos no Landhaus Vierthaler Hotel, que está localizado fora de Filzmoos. Os proprietários foram fantásticos e nos deram muitas recomendações que você não encontra em guias de viagem.

Existem também alguns restaurantes de primeira classe em Filzmoos. Se você gostaria de experimentar comida tradicional austríaca, o Hotel Bischofsmütze deve ser sua primeira parada. Tivemos um jantar incrível a um preço razoável. Se você não conseguir uma mesa no restaurante Bischofsmütze, experimente o Schörgi Alm Filzmoos – também é um restaurante muito agradável e aconchegante.

Bruxelas, Bélgica

Sophie Lenoir do mordido pelo erro

Estar no coração da Europa, Bruxelas é o lugar perfeito para uma viagem de verão do Euro e pode ser facilmente alcançado a partir de qualquer país europeu de trem, de avião, de carro!

Do aeroporto de Zaventem, fica a apenas 15 minutos do centro de Bruxelas de trem. Bruxelas também tem excelentes ligações ferroviárias com os países vizinhos de FrançaInglaterra, Holanda, Alemanha e Luxemburgo. Descubra o que é mais fácil para você e planeje esse longo fim de semana em Bruxelas!

Se possível, venha e visite no verão, especialmente durante junho antes das multidões e do tempo quente. O verão é perfeito para uma visita, não só porque o clima pode ser muito mais agradável, mas também porque, nessa época, a cidade está cheia de vida.

Além de visitar o principais pontos turísticos de Bruxelas, muitas atividades adicionais estão disponíveis. Apesar de ser uma cidade capital, Bruxelas é realmente muito verde, graças à sua abundância de parques bonitos. Faça uma pausa na hora do almoço e faça um piquenique no parque. Parc Royale, Parc Léopold e Botanique são alguns dos meus favoritos que permanecem perto do centro histórico da cidade.

Além disso, o pôr do sol é muito melhor no verão. Bruxelas tem alguns pontos de vista impressionantes sobre a cidade que se tornam verdadeiramente mágicos quando combinados com lindas cores do pôr-do-sol. Mont des Arts e Place Poelaert são alguns desses mirantes perfeitos. O Parc du Cinquantenaire é adorável quando o sol se põe atrás do Arcades du Cinquantenaire.

Finalmente, fique de olho no calendário de eventos, porque o verão é basicamente uma sucessão de shows e festivais gratuitos. A Fête de la Musique, o Boterhammen in the Park e o Bruxelles Les Bains são alguns desses eventos que ocorrem nos parques ou ao longo do canal de Bruxelas. Se você preferir algo cultural, você também pode visitar o Palácio Real gratuitamente por alguns meses a cada verão!

Kiruna, Suécia

Aaron Teoh

Embora Kiruna, na Suécia, já esteja bem estabelecida como destino de inverno, suas ofertas para o meio do ano também o tornam um ótimo destino de verão. Desde experimentar o sol da meia-noite até fazer caminhadas no Ártico da Suécia até visitar uma mina subterrânea de minério de ferro e muito mais, você não precisa se preocupar em ficar sem coisas para fazer.

Aproveite o sol, mas odeie o calor? Mesmo no meio do verão, com 24 horas de temperatura, a temperatura é de 15 ° C. O clima e o sol da meia-noite fazem de Kiruna o verão perfeito para atividades ao ar livre, especialmente caminhadas na Lapônia Sueca, onde você pode visitar os vales das geleiras ou escalar o pico mais alto da Suécia.

A principal indústria de Kiruna está na mineração de minério de ferro, e durante o verão você pode reservar excursões para a mina, a maior mina subterrânea de minério de ferro do mundo. A mina atualmente chega a mais de 1.300 metros de profundidade e está movimentando a cidade em mais de um sentido. O passeio leva você ao centro de visitantes, a 540 metros abaixo do solo, onde você pode aprender mais sobre a história de Kiruna e sobre uma das mais modernas minas do mundo.

Existem muitas opções de acomodação para atender diferentes interesses. No centro da cidade, você encontrará os habituais hotéis e albergues, mas fora da cidade, você encontrará chalés cercados pela natureza, como o popular Camp Ripan. Além disso, você pode se hospedar em uma estação de montanha, no sopé do pico mais alto da Suécia, o Kebnekaise.

O aeroporto de Kiruna serve vários vôos diários para Estocolmo, enquanto os serviços ferroviários se estendem para o sul em direção às principais cidades da Suécia e ao norte em direção a Narvik, na Noruega, acrescentando oportunidades para estender suas aventuras de verão. Kiruna pode ser uma escolha subestimada para as férias de verão na Europa, mas é cheia de coisas incríveis para fazer.

Copenhague, Dinamarca

Derek Hartman de Robe trotar

Copenhaga, na Dinamarca, é frequentemente ignorada e nunca é decepcionante como um destino de verão da Europa!

O aeroporto de Copenhagen-Kastrup é o centro da Escandinávia. Isso facilita o acesso por via aérea. Do aeroporto, é uma curta viagem de metrô até o centro de Copenhague. Trilho acessível torna mais fácil chegar a Copenhague de trem. O norte da Alemanha, a Dinamarca continental e a Suécia são todos ferroviários acessíveis. Viajantes aventureiros também podem chegar a Copenhague de balsa de Oslo ou em cruzeiros do Báltico.

O verão é uma época fantástica para visitar a capital dinamarquesa. Você pode confiar em temperaturas moderadas de junho a setembro. A Escandinávia é incrível em junho e Copenhague não é exceção, onde os dias parecem durar para sempre. Admire os edifícios coloridos e pontos de referência incríveis entre apreciar as deliciosas tapas.

Você terá tempo de sobra para aproveitar a paisagem com a luz do dia estendida no verão. Copenhaga acolhe muitos festivais de verão, celebrações e eventos culturais. Um deles é Copenhell, um festival de heavy metal em junho. No final de agosto, a cidade celebra o orgulho LGBT com um festival de diversidade em toda a cidade.

Ainda assim, os moradores de Copenhague não precisam de um festival de verão para sair e aproveitar o sol. Começando no início da primavera, quase todo o espaço ao ar livre é preenchido com os moradores locais. A excitação pelo sol é devida aos longos e escuros invernos da Escandinávia.

Visite o Kongens Have (Jardim do Rei) para desfrutar de um piquenique pitoresco. Talvez você possa até mesmo participar de um jogo de Kongens Spiller com os habitantes locais. Você também deve trazer uma garrafa de vinho para o porto de Copenhague. Lá, você pode encontrar uma espreguiçadeira para relaxar e saborear um copo em qualquer um dos parques abertos.

A melhor área para se hospedar é o centro da cidade. Procure um hotel perto de Nyhavn (o novo porto). Esta é a fileira icônica de casas em tons pastel, ideal para uma selfie. Além disso, há acomodações convenientes perto dos Jardins Tivoli e da Estação Central. Estes hotéis, no bairro de Vesterbro, colocam-no próximo da Câmara Municipal e do animado bairro Kodbyen (Fishmarket).

Koper, Eslovênia

Ioana Stoica de O mundo é o meu parquinho

Na lista dos destinos finais das férias de verão, a Europa tem alguns vencedores reais. Uma cidade subestimada na costa adriática da Eslovênia é Koper, uma cidade portuária com uma rica história e uma grande cidade medieval para provar isso.

Esta cidade encantadora fica a uma hora e meia de carro de Liubliana, a capital da Eslovênia, e vale a pitoresca viagem para sudoeste. Se você estiver indo para a Croácia ou para a Itália neste verão, poderá incluir facilmente o Koper no seu itinerário – a apenas 30 minutos de carro de Trieste e da fronteira esloveno-croata. Também fica a 2 horas de balsa ou de carro de Veneza.

Em um país que é basicamente sem acesso ao mar, Koper é um dos poucos lugares na Eslovênia que fica perto do mar. Muitas vezes ofuscado pelo destino de festa na praia da Eslovênia, Piran, os traços medievais de Koper e a arquitetura de inspiração veneziana vão tirar seu fôlego – e você não terá que lidar com grandes multidões!

Confira o Palácio Pretoriano, a Praça Tito e o porto – ou passe um dia em uma das praias da cidade. Não deixe de explorar (e ficar propositalmente perdido) as ruas de paralelepípedos da cidade antiga ou ver o pôr do sol do alto da torre na Catedral de Assunção, na praça Tito. Dica: Suba a torre antes de fechar e você pode ter tudo para si mesmo para a hora de ouro!

Junho é o momento perfeito para visitar Koper com temperaturas agradáveis ​​e acomodações menos caras. Aproveite ao máximo o seu tempo nesta cidade pitoresca e fique na cidade velha, ou nas proximidades. Há muitos hotéis, bed & breakfast ou locais do Airbnb para escolher e você estará mais perto das atrações, restaurantes e do mar!

Barcelona, ​​Espanha

Justine Ancheta de Latitude Quarenta e Um

Barcelona é um ímã para os viajantes de verão, ano após ano – e tem um pouco de tudo para uma pausa ensolarada ideal. Sua gastronomia mediterrânea de classe mundial, antigas ruas do Bairro Gótico e vibrantes edifícios modernistas nunca deixam visitantes com nada para fazer.

Devido ao clima ensolarado natural de Barcelona, ​​muitas pessoas passam o tempo ao ar livre. Esta icónica cidade espanhola é a combinação perfeita de surf e turismo e, embora esteja ocupada no verão, a atmosfera é imbatível!

Suas encantadoras praças públicas em Gracia ou Born estão repletas de restaurantes ao ar livre no terraço, enquanto turistas e moradores locais saboream sua paella de frutos do mar ou saboreiem o vermute local. Muitos museus e atrações também realizam eventos no terraço ao ar livre como o Magic Nights na Casa Batlló, com flamenco, jazz e bebidas! Quando a umidade é demais no centro da cidade, Barcelona tem suas próprias praias para as pessoas encontrarem um refúgio refrescante.

Muitos passam o tempo na movimentada praia de La Barceloneta, tomando banhos de sol ou tomando um drinque em um dos bares de praia. Para a cena musical, Barcelona também tem muitos festivais de música ao ar livre como Cruilla Barcelona ou Primavera Sound. Eles desenham alguns dos maiores nomes como Mariah Carey, Interpol e Janelle Monae.

As famílias também não são excluídas. Eles podem desfrutar de um punhado de eventos de cinema ao ar livre como no Castelo de Montjuic ou na área da praia de Barcelona. Tudo o que você precisa fazer é pegar um cobertor, alguns petiscos e abraçar os que você ama. Barcelona é, na minha opinião, o destino ideal da “Europa por excelência”. Você pode até aproveitar um pouco do memorável passeios de um dia de Barcelona enquanto você estiver na cidade!

A cidade tem seu próprio aeroporto em El Prat (BCN), a apenas 20 minutos do centro, então você não terá dificuldades em chegar aqui. Para um lugar para ficar, tente ficar central perto das atrações no Bairro Gótico. Será muito mais fácil quando você quiser tirar a sua sesta à tarde!

Split, Croácia

Bradley Williams de Dream Big Travel Far Blog

Split é uma das principais cidades da Croácia deslumbrante que fica ao lado do mar. Isso torna um destino de viagem de cruzeiro popular. Split exala beleza natural, águas deslumbrantes, ótimas praias, restaurantes e pessoas. É um dos meus lugares favoritos na Europa e com temperaturas que atingem mais de 30 ° C nos meses de verão – é um lugar perfeito para caçar algum sol.

Junho é o melhor momento para visitar com baixas chuvas e temperaturas estelares. Ele também cai na temporada de verão da Croácia no início do verão, quando as taxas de hotel não são tão altas. Você também pode desfrutar de uma das famosas festas Yacht Week do Split, que são verdadeiramente inesquecíveis!

A Cidade Velha de Split está repleta de cultura, lojas maravilhosas, lugares para jantar e muito mais. O Palácio de Diocleciano é um ótimo lugar para visitar, e se você gosta de uma bebida, ficará impressionado com a grande variedade de bares na área de Split.

Depois de ter absorvido as praias da região, você pode fazer uma excursão até a fantástica ilha de Brac, ou alugar um carro e descobrir algumas das incríveis cachoeiras que a Croácia tem para oferecer, incluindo as Cachoeiras Krka e o Parque Nacional dos Lagos de Plitvice. são incríveis!

Por fim, A Guerra dos Tronos os fãs ficarão felizes em saber que você também pode descobrir locais de filmagem em Split. Você pode encontrar os lugares por conta própria ou participar de uma excursão organizada para aprender mais sobre as cenas de pessoas que desempenharam papéis como extras. Independentemente de você ser uma família, um casal, um grupo de amigos ou mesmo um viajante solitário, há muitas coisas para fazer Split, Croácia em uma viagem de verão.

Valência, Espanha

Laura de Travelers Universe

Sol, areia e paella. Estas são as três principais coisas que vêm à mente sempre que alguém pensa em Valência. Com quilômetros de praias urbanas e muito mais a uma curta distância de carro da cidade, eles não estão enganados.

No entanto, Valência é um ótimo destino de verão por outras razões também e há muitos coisas divertidas para fazer em Valência para descontrair e reiniciar. Por exemplo, a bebida preferida aqui é o Agua de Valencia, um coquetel refrescante feito com suco de laranja espremido na hora, cava (a bebida local no champanhe), vodka, gim e toneladas de gelo. Esta agua é um potente elixir em vez de água pura, mas é uma ótima opção para me buscar depois de um dia na praia ou passeando.

Além disso, Valência não tem escassez de boates. A maioria deles pode ser encontrada no Barrio del Carmen, no bairro moderno de Ruzafa e em Canovas. Então, se você quer dançar a noite toda e dormir no dia seguinte na praia, você pode totalmente. Cheio de restaurantes incríveis e coisas para fazer, Valência é uma das melhores cidades europeias para visitar no verão.

Para desfrutar de tudo o que Valência tem para oferecer, eu recomendo que você encontre um hotel ou apartamento na Cidade Velha. Desta forma, você pode misturar um pouco de tudo – cultura, vida noturna, banhos de sol e alguns dos melhores restaurantes da cidade.

O aeroporto fica a apenas 20 minutos de metrô do centro da cidade, o que significa que Valência é uma cidade muito acessível. O trem deixa você à direita pela Prefeitura também (além da estação de trem é lindo e vale uma visita). Então, no entanto, você escolhe chegar, é realmente descomplicado.

Dublin, Irlanda

Catherine Brady de Viajando com os Littles

Dublin, a capital da Irlanda, situa-se centralmente na costa leste da ilha e é um lugar agradável para visitar durante o verão.

A Irlanda, situada entre o mar da Irlanda e o oceano Atlântico, tem médias entre os 60 e os 48ºC durante o verão. A Irlanda é um país relativamente chuvoso; no entanto, os meses de verão são estatisticamente alguns dos mais secos e junho tem chuvas particularmente baixas.

Como a Irlanda é uma ilha, a maneira mais rápida de chegar a Dublin é por avião; outra maneira é de barco. Vários portos fazem balsas para Dublin, inclusive de Holyhead, no País de Gales; Cherbourg, França; Liverpool, Inglaterra; e de Douglas, Ilha de Man.

O verão é a melhor época do ano para visitar Dublin e eu recomendo experimentar algumas atividades ao ar livre. A primeira coisa que recomendo é dar um passeio pela Grafton Street; ir às compras ou pegar uma cerveja e observar as pessoas. Algumas outras atrações ao ar livre que eu recomendaria estão indo para um passeio em St. Stephen’s Green, Glasnevin Cemetery Museum, o Dublin Botanic Gardens e o Phoenix Park.

Phoenix Park é o único em que é o maior parque fechado de qualquer capital europeia. Você vai encontrar veados, jardins exuberantes, belas lagoas e muitas pessoas praticando esportes; Você vai esquecer que você está em uma cidade. Em Phoenix Park, você também encontrará a casa do Presidente da Irlanda e o Zoológico de Dublin.

Algumas atrações internas notáveis ​​que você pode querer verificar são Kilmainham Gaol (cadeia), o Guinness Storehouse, Trinity College e o Livro de Kells.

Por fim, você também pode conferir alguns dos festivais de verão de Dublin. Dublin oferece música, comida e bebida, arte, flores e festivais de rua durante todo o verão; há realmente algo para todas as idades e gostos. Se você visitar esta cidade incrível em junho, aproveite o incrível festival gastronômico Taste of Dublin.

Dublin (e Irlanda) é única porque as línguas oficiais da Irlanda são o inglês e o irlandês. O povo de Dublin é extraordinariamente simpático e o ambiente da cidade é descontraído e acolhedor.

Se você visitar Dublin no verão eu recomendaria ficar no centro da cidade; será um pouco mais caro, mas você estará perto de muitas das principais atrações. Dublin não é uma cidade enorme, e o transporte público é bom, então se você decidir ficar um pouco fora do centro da cidade, ainda poderá se locomover.

Málaga, Espanha

Antonio, Viagem italiana no exterior

À procura de clima quente e brisa de verão, Málaga é uma das melhores cidades da Europa para visitar no verão. A capital da Andaluzia é o destino de verão favorito para viajantes britânicos, alemães e americanos.

Málaga é uma cidade realmente grande no mar Mediterrâneo, em frente à costa de Marocco, que encanta um clima ameno durante todo o ano, com temperaturas que podem chegar a 35 ° C no verão. Mas não se preocupe com mais de 20 km de praias é um dos melhores lugares para passar o verão inteiro na Espanha. Mas Málaga não é apenas praias, vida noturna e boa comida. A cidade é uma capital cultural de excelência.

As principais atrações são a Alcazaba de Málaga e o Gibralfaro uma fortaleza na colina. Este é também o berço de Pablo Picasso, você pode descobrir a vida, as obras de arte e curiosidade sobre o artista no principal museu da cidade. Em comparação com outros locais na Espanha, Málaga é barato, assim como toda a Andaluzia.

Um jantar adequado custar-lhe-á cerca de 20 euros por dois – uma verdadeira pechincha. De Málaga, você pode chegar a algumas das melhores cidades da Espanha, como Sevilla, a outra antiga capital da Andaluzia, que é rica em cultura e arquitetura.

A capital da Espanha é acessível por trem em apenas 4 horas, o mesmo que Valencia na costa. O Aeroporto de Málaga é uma das excelências da Espanha, com uma boa conexão do centro da cidade em apenas 15 minutos. Se você está procurando algumas caminhadas, Málaga também tem isso. Descubra a natureza, caminhe pelas colinas e visite pequenas cidades brancas neste local inesquecível.

O famoso “Pueblos Blanco”, ou as aldeias brancas, é uma atração adequada na Andaluzia – sendo a mais famosa Nerja e Ronda. Outra trilha famosa é o Caminito del Rey, uma caminhada no Canyon com um guia no topo de Málaga.

A beleza de Málaga é melhor admirada em junho, quando os muitos parques e jardins da cidade estão cheios de flores e as noites proporcionam uma atmosfera elétrica.

Melhores cidades europeias para visitar em julho

Se você preferir planejar umas férias inesquecíveis com o verão em pleno andamento, eu fiz uma lista dos melhores lugares para visitar na Europa em julho. Das pitorescas cidades da Escócia aos destinos banhados pelo sol na costa da Espanha, há algumas opções incríveis para a sua escapadela de verão.

Hvar, Croácia

Gemma Ratcliffe das famílias pode viajar

Se você escolher uma ilha na Croácia para o seu destino de verão perfeito, escolha Hvar! A Croácia é um país tão diverso, mas Hvar parece ter tudo.

Hvar Island está localizado na costa da Dalmácia, a uma curta viagem de balsa do continente ou ilhas vizinhas, como Brac, Vis e Korcula. As balsas são a única maneira de chegar à ilha, mas elas correm regularmente e são um método de transporte barato, divertido e pitoresco.

Se você gosta de nadar, não conseguirá resistir ao cristalino Mar Adriático, turquesa. Alugue a sua própria lancha e visite as impressionantes Ilhas Pakleni, a poucos passos do Porto de Hvar. Se a festa é sua coisa, pegue o táxi aquático para Carpe Diem Beach e dance durante a noite até o nascer do sol. Julho é um momento fantástico para desfrutar de suas praias vibrantes e o Festival de Lavanda enche o ar com o aroma de lavanda florescente.

Você pode facilmente se perder na cidade de Hvar, vagando pelas bonitas ruas de pedra. Você encontrará pequenas padarias e butiques charmosas. E para todos os que gostam de comida por aí, você será mimado por uma enorme variedade de restaurantes e cafés que servem pratos locais, frutos do mar frescos e vinhos locais.

A ilha de Hvar é rica em história, sendo governada por muitas civilizações diferentes ao longo dos séculos. Enquanto sob controle veneziano, a magnífica Fortaleza de Hvar (Španjola) foi construída. Esta impressionante fortaleza fica predominantemente no topo da colina. Dê um passeio ao pôr do sol para uma vista incrível sobre a cidade de Hvar e as Ilhas Pakleni.

Dela B & B é o lugar perfeito para ficar em Hvar. Escolha este alojamento pelos seus quartos modernos e confortáveis, vistas deslumbrantes das varandas e delicioso café da manhã. Mas acima de tudo, a família incrivelmente amigável que o administra e vai além para atender a todas as suas necessidades. Há também uma ótima piscina, se você é viajar para Hvar com crianças.

Cinque Terre, Itália

Simon Crozier de Viagens para Aventura

Cinque Terre é algo muito especial nos meses de verão, localizado na costa da Riviera italiana. Cinque Terre (que significa “Cinco Terras”) é uma cadeia de cinco aldeias costeiras perfeitas. Situado ao longo de uma paisagem costeira italiana acidentada e íngreme, este incrível destino é um dos melhores lugares para se visitar na Europa.

Estas cinco aldeias Monterosso al Mare, Vernazza, Corniglia, Manarola e Riomaggiore compõem o Parque Cinque Terre, que é Património Mundial da UNESCO. Cinque Terre une aldeias costeiras centenárias, com suas casas coloridas, portos e vinhedos. Ele traz um romance rústico para um litoral já dramaticamente impressionante pontilhado com As praias incríveis de Cinque Terre.

Uma das grandes atrações é a capacidade de caminhar entre as cinco aldeias em uma trilha chamada Sentiero Azzurro (trilha Azure). Andando por vinhedos agarrados a terraços íngremes e falésias costeiras parando ao longo do caminho para admirar as vistas antes de voltar para outra aldeia.

The Walking Trail é uma obrigação durante uma visita e realmente dá-lhe uma ligação ao parque Cinque Terre. Embora se andar visto muito de uma aventura, então há um trem ou balsa que liga cada uma das cinco aldeias.

À medida que você passa por cada aldeia, lambendo as vistas incríveis. Don’t forget about the delicious Italian restaurants with locally caught seafood on the menu, enjoyed with local made wine and Grappa. Most of the local grapes grown in Cinque Terre are used to make two local wines called Cinque Terre and Sciachetra.

If you’re wanting to visit this beautiful summer getaway. Cinque Terre is located west to the town of La Spezia, in Italy’s northwest. With Trains to and from La Spezia making Cinque Terre easily accessible, with accommodation available either in Cinque Terre or La Spezia.

July is the perfect time for a visit when the Festa del Mare is in full swing and the sea is filled with thousands of floating candles. It’s also one of the best months to admire Cinque Terre’s dramatic coastline as you enjoy a dip in the refreshing water.

Bormio, Italy

Clare Dewey from Epic Road Rides

Bormio’s closest airports are in Bergamo and Milan, but it is also well served from Switzerland’s Zurich airport. If you’re driving, it is about 125 miles (200 km) from Milan and 149 miles (240 km) from Zurich. You can also get to the town via public transport (train then bus).

It’s a wonderful destination for a summer holiday in the mountains. The beautiful town, which has Roman origins and fantastic thermal baths, is surrounded by towering mountains that are perfect for outdoorsy types. The Tourist Office does a great job of advertising walking and bike routes and there are loads of kid-friendly activities.

There’s a great bike path that circles the town and if you’re with kids, it incorporates a playground and a kid-friendly cafe en route. There’s also a bike park where your kids can learn to cycle over ramps and jumps. There are daily group lessons for kids or you can book a private lesson.

There are loads of other activities too – from table football tables to ball pools, big outdoor trampolines, and a summer toboggan run. You can also head up to the ski station, Bormio 2000, where they offer horse rides.

This outdoor adventure haven is also very beautiful, full of fantastic Italian architecture and charm. The accommodation is mainly in family-run hotels. We stayed at the charming Hotel La Genzianella and loved it. If you’re wondering where to go this summer, look no further!

Vilnius, Lithuania

Mary of A Mary Road

Vilnius, Lithuania is a great city to visit if you want to visit and experience Europe without spending too much of your holiday budget. If you are based in Europe, there are so many flights flying directly from Spain, Germany, Scandinavia, France, and the UK by Ryanair.

You can also easily drive there from Finland, Estonia, Poland, Latvia, or even from other Eastern Europe countries. The public transportation cost very little while you can also rent a public bicycle for as cheap as 4.5 euro for 30 days, in this way, you can explore the city in your own pace.

If you don’t know what to do in Vilnius, there are so many free walking tours for you to join, all are covering the most popular outdoor art gallery in the Baltic States, the genocide history, and the, of course, the castles.

If you are up for an adventure and quick dip in the water, check out the Greenlakes not far from the city center. It’s also filled with a sandy beach which gives you satisfaction for a needed water activity. Here, you can enjoy a very affordable 5-euro kayak to rent.

While the best place to stay in Vilnius is in the Old Town, which is close to everything you want to see, the train station, and has plenty of restaurants to try. One of my favorite feature of Vilnius is how little crowd there are even in the peak season of summer compared to Paris, Copenhagen, Madrid, and other European cities.

Manchester, England

Vicky at Spud on the Run

I’m guessing most of you will have heard of Manchester (*cough* football) but you might not know anything about the city behind the name. Often overlooked for London, Manchester has a lot to offer and makes a fantastic place for a European break.

Manchester has a diverse history; from its Roman ruins to an identity as a textile giant during the industrial revolution. Don’t forget its more recent and still very much alive eclectic music scene (just think Oasis and the Stone Roses) – there is a lot to explore and discover.

During the summer months, Manchester has a lot planned. In June there’s the Manchester Day Parade and the King Street Festival, and August is busy with the Bolton Food and Drink Festival. July is an amazing time to visit with fantastic weather, and the city welcomes the Manchester International Film Festival and the Manchester Jazz Festival.

Make the most of the fleeting British summer in a typical English pub beer garden like Sinclair’s Oyster Bar, The Wharf, Thomas’ Chop House, or The Briton’s Protection. You could also visit one of the southern suburbs, such as Chorlton or Disdbury, for a spot of brunch and people-watching.

Just as important as the city itself is its location. In the North West of England, it is well connected by road, rail and air so if you want to continue your trip around Britain it’s easy to do!

Practically on the city’s doorstep are some of Britain’s best natural spots, including the Lake District and the Peak District. Liverpool, the home of the Beatles, is less than an hour away, and London or Edinburgh will just take a couple of hours on the train.

If you don’t quite manage to fit Manchester into your summer plans don’t worry, it hosts one of the best and largest Christmas Markets in the country, so pack your jumpers and plan a festive trip instead!

Innsbruck, Austria

Linda from Travel Tyrol

A summer holiday in the Alps is a nice change from visiting a beach or big city destination. Innsbruck, the capital of Tyrol in Austria, is the perfect base for such a holiday. This incredible city seems alive under the summer sun and the days are even longer which is perfect for sightseeing.

Innsbruck is officially a city, but it’s not a conventional European city. You won’t find mass tourism here (yet). Instead, you’ll meet nature-loving people who are drawn by the mountains towering over the city from both sides of the Inn Valley.

A summer holiday in and around Innsbruck is ideally one that combines sightseeing with nature adventures like hiking, summer tobogganing, and swimming in Alpine lakes.

On the sightseeing front, the historic center of Innsbruck with its famous Golden Roof is a highlight. The atmosphere in the cobbled-stone pedestrian area, with street cafés and colorful centuries-old buildings, is laid-back and festive at the same time.

Pop into the Imperial Palace (where the Habsburgs also liked to spend their summers), marvel at the Triumphal Arch or watch the mountains from the market square. July is ideal for a visit to Innsbruck as it also brings with it the incredible Innsbruck Festival Early Music.

If you’re done sightseeing, you can take the Nordkette cable cars and stand on an Alpine peak within an hour from leaving the city. You could even take the Sightseer Bus to the Bergisel ski jump or Ambras Castle on the city outskirts.

Those who love bling will be fascinated by the Swarovski Crystal Worlds in the town of Wattens (about 10 km from Innsbruck). Alternatively, if you like to be active, the Zirbenweg trail following the stone pine tree line between Patscherkofel and Glungezer is one of the most popular hiking trails in Tyrol. Afterward, you can cool off in the idyllic Lake Lans.

Innsbruck is also the perfect base for day trips to Southern Tyrol (which is a part of Italy), and some Bavarian highlights such as Linderhof Palace. Are you convinced that it’s a great place for a summer holiday with a difference?

Gran Canaria, Spain

Michelle Minnaar from Greedy Gourmet

Let me tell you about one of my favorite summer destinations in Europe, which is Gran Canaria!

Gran Canaria is one of the Canary Islands, which belong to Spain. The island of Gran Canaria is located off the coast of northwestern Africa and it is best known for its sandy beaches and pleasantly warm climate. In short, it’s the place to be for a romantic and relaxing getaway.

Gran Canaria’s climate is fantastic all year round, but summertime is truly special – and perfect for enjoying the beaches. One of my favorite things about having your summer vacation in Gran Canaria is that plane travel is not expensive and doesn’t last ages. It’s the perfect combination.

Once you get there, there are plenty of activities you can indulge in. For example, you can visit Gran Canaria’s famous sandy beaches which include Playa del Ingles, Playa del Puerto Rico and many more. Otherwise, I highly recommend exploring the famous sand dunes of Maspalomas. If you go there with your partner, you can take a romantic walk along the sand dunes and watch the sunset from the Maspalomas lighthouse.

If you’ve got kids, then you can’t miss out on the exciting Poema del Mar aquarium with the world’s largest fish tank. There, you’ll experience jaw-dropping moments while you walk inside the fish tunnel and see a variety of marine species. This is what I love about visiting the island of Gran Canaria. There are so many unique opportunities for you to explore.

Of course, you can’t miss out on visiting Las Palmas, the capital of Gran Canaria. It has a fantastic history, food culture and nightlife. Ultimately, there are tons of things to do in Gran Canaria.

Hamburg, Germany

Renata from Bye Myself

Thinking of a great Summer destination, Northern Germany won’t be your first choice, I presume. But while the country’s South is mountainous, there is a coastline in the North longer than the Portuguese one – go figure.

Therefore, Hamburg, Germany’s second largest city, is not only the ideal gateway to beautiful, long beaches at the Baltic as well as the Northern sea, this metropolis also has her own beach along the river Elbe that empties into the Northern sea.

Obviously, the harbor of Hamburg, after Rotterdam and Antwerp, is the third largest in Europe. Its located on this river and a great place to dream about your next trip by watching all these big ships going to all those distant places.

On a harbor cruise, you get an even closer look at those giants of the Seven Seas.

Of course, there is a promenade along the river, but more importantly, there are all these cool beach clubs where you can hang out all day long, snacking, sipping cocktails and watching people and ships go by.

However, since Hamburg is one of the greenest cities worldwide – there are 114 square meters of greenery per each of the 1.8 million inhabitants – it’s easy to beat the heat at one of the many parks.

Need more water? No problem, since the city center is built around the huge lake Alster where you can surf, sail, and paddle. July is the perfect time for enjoying a sail around the city’s incredible lakes or canals.

So who says that Northern Germany is not the perfect summer destination?

Riga, Latvia

Julie Sande from Why Not Ju

Riga is the capital of Latvia and lies in the river mouth of Daugava river on the edge of the Baltic Sea. There are flights into Riga from most big cities in Europe and you can also go by bus from several of the surrounding countries.

Riga is beautiful during summer as you can enjoy the pedestrians-only old town of Riga and take a riverboat, or canal cruise while enjoying the long summer sunsets. Latvia also has the mid-summer celebration, as several northern European countries like Norway and Sweden too. If you plan to go during the summer, you should definitely try to go in June. The celebration is night from 26th to 27th of June and mostly takes place during the evening and night.

In the old town of Riga, they sell flower crowns and other celebratory accessories. During the evening, a big part of the river path is closed off for the celebration, but don’t worry, entrance is free. In the area, you’ll find a big stage and a huge dance area with traditional dance and music. There are also various tables and stands where you can buy traditional Latvian food. Celebrate, dance and eat your way through the longest night of the year!

Part of Rigas city center is also on the UNESCO list of world heritage sights and with good reason. In addition to having the highest concentration of art nouveau buildings in the world, strolling through the cobblestoned streets of Rigas medieval old town is like traveling back in time. Definitely stay in the city center, if not in the old town, you can stay right outside the old town.

Make sure to try Latvia’s local liquor Black Balsam while you’re there, and take advantage of the fact that Riga is famous for its spas!

Salzburg, Austria

Shobha George from Just Go Places

Salzburg in Austria is a perfect small city to visit in the summer. It’s truly unreal in the summertime when the idyllic rivers and historic buildings make it look like a scene from a fairytale.

Its location in the mountains means that the weather is comfortable. Austrians and Germans have historically escaped to the surrounding area for the summers.  In fact, Hitler’s summer house is an easy trip from Salzburg. Many of his ruling elite actually stayed in Salzburg itself to be near Hitler’s compound.

Salzburg has plenty of attractions all year round because the old town is a UNESCO world heritage site.  It has a unique fortress overlooking the city and a charming pedestrianized cobblestoned old city.

Fans of the movie The Sound of Music can visit the places where it was filmed and music lovers can visit the birthplace of Mozart. There are plenty of art galleries, museums and gardens to explore. The city is also known for its breweries, including Stiegl Brewery which has been around since 1492!

The summer in Salzburg is especially pleasant with warm days and cool evenings. You are surrounded by nature in Salzburg so there is plenty of stuff to do outside, such as hiking in the mountains and swimming in the lakes.

Also in the summer, you have the Salzburg Music Festival which has been a worldwide attraction for classical music lovers since 1926. This music festival attracts over a quarter of a million visitors annually. Salzburg also hosts one of Europe’s most renowned summer festival in honor of Mozart. The town is turned into a hub of performances and celebration!

Best European Cities to Visit in August

Planning on a trip to enjoy the last month of summer? I’ve gathered the ultimate options for the best places to visit in Europe in August. From the charming countryside of Scotland to the classic sights of Paris, there are some real winners for the last leg of a summer trip to Europe!

Madeira Island, Portugal

Edyta from Say Yes to Madeira

Madeira Island is a small, Portuguese island located around 1000 km from the coast of Europe and only about 520 km from the coast of Africa. Madeira Island is known for being the ‘Island of Eternal Spring’ which makes it a perfect year-round destination.

The summer months, however, will be the perfect time for those enjoying swimming, diving and active watersports. Madeira might not have the prettiest beaches, but it offers many more unique ways to enjoy the summer.

The most popular swimming gems of Madeira are its volcanic lava pools, for example, Volcanic Pools in Porto Moniz and Seixal in the north of Madeira. There is also one lava pool complex in Funchal – Doca do Cavacas. Another unique swimming place is a swimming hole in the middle of a valley. It is called Poço dos Chefes and it is very popular among the locals.

Madeira Island is one of the best places to go in Europe especially in June when you can enjoy the Medieval Market, Trans Madeira and the incredible Atlantic Festival. One of the best activities to enjoy in Madeira is a cable car trip to the Monte Palace Tropical Garden. Madeira Island offers tourists many modern and comfortable hotels for different budgets, with some of the best hotel pools in Madeira.

If you’re wondering how to get to Madeira, there is one airport on Madeira – Cristiano Ronaldo Airport in Funchal. Cruises are also an option.  In the summer months, you can also reach it with your own vehicle by taking a ferry. The ferry connects Funchal with Portimao in mainland Portugal and the Canary Islands.

Gdansk, Poland

Daniel Arreola from Blorg

Not many people know about Gdansk, but many fall in love it once they get there. The architecture of the old town is very well preserved and you’ll feel like you’re living the rich life but at a very affordable cost.

Gdansk is incredibly affordable compared to other European destinations. They use the Polish Zloty and not the Euro, which means better pricing for tourists. You can find hotels for around $50 USD/night in old town and meals at restaurants will cost around $5 USD and local street food can cost less than $1 USD. Some local bars even serve up vodka for $0.25 USD per shot. Beer can be found for around $1 USD.

During the summer around the entrances to the old town, you can find classical musicians. These mostly young people playing classical music. Some with new interpretations of modern music with classical instruments making it a unique and inspiring experience.

Gdansk also has beaches! Although the water is cold, you can find yourself on some warm sand during the summer.

If you’ve never been to Poland before, you’ll find that it has modern technology, beautiful architecture, affordable and incredibly safe.

How To Get There:

You can find intra-Poland flights for less than $100 USD as low as $25 USD through Ryan Air (with a bunch of hidden fees of course). Flying into Gdansk from outside of Europe can be very expensive, so you have two options.

Option 1: Fly into Krakow or Warsaw then book an intra-Poland flight from there.

Option 2: Fly into Krakow or Warsaw then take the Polish Rail (Train) to Gdansk.

North Berwick, Scotland

Chelsea from The Portable Wife

North Berwick is a charming coastal town near Edinburgh, Scotland. Though not well known outside of the UK, it has been a popular local vacation spot for over 200 years. This Victorian gem on the coast is filled with long sandy beaches, an amazing castle and a small harbor, making it truly picturesque.

For a small town, there’s a surprising amount of things to do in North Berwick. Beachgoers will enjoy a day at Yellowcraig Beach or Milsey Bay. Nature enthusiasts can learn about puffins, seals, and other local wildlife at the Scottish Seabird Centre. And golfers should play a gorgeous round along the seaside cliff at the famous Glen Golf Club.

Aside from the beaches, North Berwick’s most popular attraction is the nearby ruins of Tantallon Castle. This former Scottish stronghold sits atop a seaside cliff overlooking the Firth of Forth. Visitors can walk around the castle grounds and ascend the still-standing tower for amazing panoramic views.

Getting to North Berwick is easy by train. It’s only a 30-minute direct journey from Edinburgh Waverly train station or a 1.5-2 hour trip from Glasgow. If you choose to drive, there’s ample parking around the town.

You won’t find many hotels in the area. Instead, most people stay in vacation homes and self-serviced apartments. If you’re looking for cheaper alternatives, there are a number of bed and breakfasts in town. And for a more rustic experience, the Gilsland Caravan Park offers glamping rentals and caravan/RV parking.

North Berwick is stunning during the summer months but it’s especially great in August when the amazing Fringe by the Sea festival takes place filled with music, film, comedy and kids events.

Budapest, Hungary

Holly from Four Around the World

Budapest in Hungary has great weather year round and in summer you can really feel the heat as you explore the city. Luckily there is plenty to do in the city to keep cool in between visiting the incredible sights.

One of the things Budapest is most famous for is their thermal baths, known for healing properties. Not only that, they make a perfect place to cool down too. During the summer months Gellért, Széchenyi and Lukács Baths each open their outdoor open-air pools. You can still enjoy the indoor heated thermal pools all year.

A visit to Margaret Island is also a must, with beautiful gardens and parks, a public swimming pool, and a musical fountain. There is often entertainment on throughout the year and it makes a great place to relax in the shade for a couple of hours.

For a different view of the city, take a cruise along the Danube day or night. Night time is a great chance to see the Parliament building lit up. Dinner cruises are a great opportunity to enjoy some of the local food favorites while enjoying the sights along the river.

There is a summer festival that runs from June to August in Budapest, with many different events throughout the summer months all around the city.

You will find many great Airbnb options throughout Budapest, with some located right in the city center. Alternatively, there are plenty of hotels available to suit different budgets as well. We stayed in a private apartment to suit traveling with extended family.

Although summertime in Budapest brings the rain, August has the least rainy days and you can enjoy events like the Budapest Summer festival, the Sziget Festival or the incredible Festival of Folk Arts.

Zakopane, Poland

Mary Wylde from Wylde Family Travel

The Tatra National Park Poland features many Ski resorts but the town of Zakopane Poland is not just about winter. Zakopane in summer turns into a place for hikers, mountain bikers, and sightseers.

There are many things to do in Zakopane in any season. The hills around Zakopane are filled with walking tracks for hikers of any fitness level. Mountain bikers are challenged by climbs and descents to and from the town.

However, Zakopane is great fun in the summer months and brings comfortably cool weather which is perfect for enjoying the trails (even though they’ll be busy). Summertime also brings lots of events to the city including the Mountain Folklore Festival.

Krupowki Street is the main pedestrian mall in the town of Zakopane Poland. The street is over a kilometer long and begins at the base of Gubalowka cable car station. Krupowki is lined with restaurants, bars, shops, and hotels.

When the sun comes out you will find thousands strolling the street window shopping people watching and enjoying the street entertainers. Zakopane restaurants and bars are packed with people enjoying good food and drinks. Grilled meats seem to be the specialty of Krupowki.

Gubalowka sits at 1123 meters looking down on Zakopane directly above the town in the Tatra National Park. The trip to Gubalowka begins with a cable car ride up the hill. The Zakopane cable car takes 4 minutes and costs just over a euro.

The ride up the hill is amazing as you ascend upwards through pine trees and the town slowly disappears beneath you. At the top, you will find markets, restaurants, rob courses, toboggans and other adventures awaiting you. You can also walk back down taking in the view

Turracher Höhe, Austria

Rand Shoaf from Well Traveled Mile

If you are looking for a healthy summer getaway in Europe, you should definitely visit Turracher Höhe in Austria. I know, it’s not so easy to pronounce, but it’s worth it checking out.

Set high on a pass in the Austrian Alps, you will find the village Turracher Höhe with its beautiful lake, the Turracher Lake. You can only reach this unique vacation destination by car since there’s no public transportation up to the pass.

Directly from the village, you have access to dozen of hiking trails along some lakes and many summits, such as the Kornock or Schoberriegel.

Even in summer, you can choose between two chairlifts to go up the mountains if you want to start your stroll or hike from a higher altitude. There you can hike from one summit to the next one with stunning views.

Or you explore the 3 lakes route starting at the Turracher Lake, passing the Green Lake continued by the Black Lake. If you are interested in some adventure, go and try out the Nocky Flitzer, an alpine roller coaster through nature.

And after all the exploring and hiking lay down in one of the comfy chairs and relax at the Turracher Lake while soaking in the sunshine.

Once you get hungry, you’ll find plenty of delicious, authentic places to dine with traditional Austrian fare. A regional favorite is the Kaspressknödel (cheese-dumpling) soup. You will not be disappointed!

For lodging, you can choose between a variety of some private and exclusive Austrian hotels, apartments or chalets. Between the fresh air, stunning views, and calmness of this mountain village – you’ll never forget your vacation at this unique summer destination.

Cabo de Gata, Spain

Linn Haglund from Brainy Backpackers travel blog

Cabo de Gata is an off the beaten track summer destination in the province of Almeria in the southern part of Spain. It is a large nature reserve with Spain’s only desert area. o beaches in Cabo de Gata are spectacular, some of them right off powerful cliffs and others melting in with the large, hot sand dunes.

The most popular beaches are Los Muertos Beach, Los Genoveses Beach and Monsul Beach. The last two can be reached by car while the first one includes roughly a 15-minute hike to get to. There are several other breathtaking beaches you can only reach by foot or by hiking across challenging hills and desert sand.

Another interesting beach is Cala de San Pedro which probably is the only beach in Spain where you are allowed to camp. It is originally a private land that hippies moved into years ago. Now, the police leave it to the hippies and the happy free spirits that choose to camp there. To get to the bay you can either take a one-hour hike or get a boat transfer from Las Negras village.

One of the most popular villages to stay in Cabo de Gata is San Jose. They have a camping ground and several hotels of different price ranges. My favorite camping ground, though, is Los Escullos which is in the middle of the desert a 10-minute drive from San Jose next to beautiful cliffs and beaches. Definitely, the best place to catch the sunrise.

Visiting Cabo de Gata in the summer is quite memorable and the summer months have a low chance of rain in general. August is particularly amazing and has a high chance of sunny days!

There are daily buses from Almeria Airport to San Jose, though I recommend getting a rental car to explore the area in the best possible way.

Paris, France in the Summer

Sharon Odegaard from Exploring Our World

Paris makes an ideal summer destination, beckoning you to enjoy the outdoors on a warm day. While Paris is always a good idea, as they say, it is a delightful city to experience by being out and about in the summer. Let the world-class museums wait and get outside into the Paris air.

Imagine sitting on the banks of the Seine, enjoying a picnic of baguettes, cheese, and wine. Or perhaps you would prefer to take in the sights from a boat, gliding along past landmarks such as Notre Dame and the Musee D’Orsay.

Time your ride for sunset and marvel at the twinkling lights of the Eiffel Tower put on a show. The parks of Paris provide a place for strolling among a canopy of trees with blooms bursting in various colors.

Stay in the Latin Quarter for its character and because that puts you in easy walking distance to Luxembourg Gardens, the grandest of the parks. On weekends, you can sail wooden toy boats on the lake.

Be sure to wander through the Jardin des Tuileries, the formal French gardens right outside the Louvre. The outdoor café here is the perfect place to stop for a cold drink. Set aside an afternoon or evening for a bike tour, cycle around Paris with the wind in your face, and breathe in the summer air of unforgettable Paris.

Paris in the summer is unforgettable and August is a fantastic time to visit the city as many locals go out of town so the streets are quieter  – but the world-famous attractions are all open!

Munich, Germany

Hannah Golton from Hannah’s Happy Adventures

Munich is found in Bavaria, South-East Germany. Famous for its 200 beer gardens, Munich is the perfect summer city. I recommend visiting the Hofbraukeller. It’s off the beaten track and a favorite with the locals. Head here on a warm afternoon, grab yourself a stein of beer and some Schnitzel, and settle in for the afternoon.

Munich has many parks which are all definitely worth exploring. But, I recommend visiting the English Garden. This park is huge; be sure to go for a wander and enjoy the scenery. If you’re into surfing, there’s a spot on the river where you can surf an artificial wave.

Even if you’re not a surfer yourself, it’s easy to while away an hour watching the pros. Furthermore, there is also a big beer garden in the park center if you, like me, can’t get enough of German beer or are craving bratwurst.

Next head to Viktualienmarkt. You’ll find some delicious German foods and ice cream stalls, the perfect summer treat to cool off. Additionally, if you have more time be sure to take a day-trip to the fairytale castle of Neuschwanstein.

As for accommodation, check out Wombat’s hostel if you’re looking for a budget stay. For a good quality hotel at a reasonable price, I recommend Ibis, they have several branches throughout the city.

The city has an international airport and is easily reached by rail from neighboring cities and countries. Alternatively, you take a Flixbus from nearby cities if you’re looking to save money.

Top Summer Trips to Europe Conclusion

From the gorgeous coast of Italy to the idyllic hillsides of Scotland, there is a treasure trove of incredible destinations for a summer Eurotrip. Whether you’re looking for a beachside vacation, sightseeing galore or soaking up the incredible atmosphere of Europe in summer – there’s something for everyone.

Next up: dê uma olhada no ultimate travel quotes to inspire your next trip!

Sharing is caring!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *